Ione Rubra Rosa Poesia e Sentimento

 

"As Muralhas que eu puder, eu mesma derrubo. As que eu não puder, Deus põe no chão por mim!"



Textos


NO MEIO DO MATO

 
No meio do mato
A simplicidade impera
A paz aflora
A prece vem
Natural e sincera:

Pai...
Eu sei que me ouves,
Sei que me amas,
Sei que estás presente
O tempo todo.
Sei que tudo podes,
Sei que o impossível
Para Ti nada é
E por isso te rogo
Com humildade e amor
Se for da Tua vontade
Apazigua o sofrimento
E a dor.
E onde as lágrimas correm
Coloque sorrisos e amor.
Que o corpo fique são
E a alma liberta.
E se esse milagre chegar,
Mais grata a Ti serei
E os Teus feitos anunciarei.
Humildemente te rogo,
Agradeço, Creio,
Confio e espero.
Amém!


Ione Rubra Rosa – 04/02/2019
Imagem by: Aroldo Galdino
 

 
 

 
Ione Rubra Rosa
Enviado por Ione Rubra Rosa em 04/02/2019
Alterado em 06/02/2019
Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários


 
Site do Escritor criado por Recanto das Letras